Este site pertence a Leopoldo C. Baratto, fundador e coordenador do PlantaCiência. 2019.
Buscar
  • plantaciencia

Óleo de andiroba produzido por ribeirinhos do Amazonas é lançado no mercado

Nas curvas do rio Juruá, no sudoeste do Amazonas, o mais sinuoso rio do mundo, floresce algo que vai além de um produto bom para a pele e para o bem-estar. Território de brava gente, que luta pelo direito à floresta desde o ciclo da borracha, hoje a região se destaca pela organização social e produtiva, o que resulta na valorização dos recursos naturais e do conhecimento dos povos que ali habitam. É dali que chega ao mercado um novo produto florestal: o óleo de andiroba “Menino dos Óleos”, um frasco de 30 mililitros (mL) de puro óleo da andiorobeira lançado em Manaus.


Colhida e processada na comunidade do Bauana, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uacari, no município de Carauari, na região do Médio-Juruá, a cerca de 1 mil quilômetros de Manaus, a andiroba do “Menino dos Óleos” é a mesma que abastece a linha de cosméticos da gigante Natura.


Agora, porém, os ribeirinhos colocam à venda o próprio negócio, passam a comercializar o mesmo óleo de andiroba com qualidade de mercado dentro de uma marca com identidade visual própria. Tudo com apoio da Fundação Amazonas Sustentável (FAS).


A EBC Bauana, que há três anos já processa óleos vegetais de sementes colhidas por famílias extrativistas em 32 comunidades da região, passou de 1,5 tonelada de produção anual para 4 toneladas. O sistema, apoiado pela FAS, beneficia não só os donos da EBC Bauana, mas cerca de 60 famílias localizadas na RDS Uacari e também na Reserva Extrativista do Médio-Juruá. O faturamento bruto anual é de R$ 96 mil.


A andiroba do “Menino dos Óleos” é a mesma que abastece a linha de cosméticos da gigante Natura.

Clique aqui para ler a reportagem na íntegra.

52 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

© 2019 Desenvolvido por Leopoldo C. Baratto, coordenador do Projeto "PlantaCiência".