Buscar
  • plantaciencia

Entrevista: Eliezer Barreiro, farmacêutico e coordenador do INCT Inofar/Lassbio

Um dos mais renomados pesquisadores na área de síntese e avaliação de novos compostos com vistas à produção de fármacos, o professor e farmacêutico Eliezer Barreiro acompanha de perto os desdobramentos da pandemia provocada pela Covid-19 no País. Ao longo dos anos, ele tem se dedicado à descoberta de novas moléculas, seja na natureza, capaz de fornecer uma infinidade de possibilidades, seja àquelas sintetizadas em laboratório. Diretor do Laboratório de Avaliação e Síntese de Substâncias Bioativas do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Lassbio/ICB/UFRJ) e coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Fármacos e Medicamentos (Inofar/INCT), Barreiro destina boa parte de seu tempo à prospecção de moléculas dentro do Lassbio, a fim de investigar seu possível uso no tratamento de diversas doenças. O potencial do banco, construído ao longo de vários anos pelas equipes de pesquisa e que atualmente conta com mais de duas mil moléculas registradas, foi motivo de um acordo de cooperação firmado em maio de 2019 com a farmacêutica Eurofarma, para o desenvolvimento conjunto de fármacos e intercâmbio de recursos humanos.

Em entrevista ao Boletim FAPERJ, o pesquisador explica como se dão os processos que levam à criação de um novo medicamento, o tempo e os cuidados necessários à sua elaboração, e cita um antiviral que considera promissor no combate ao Covid-19.








Clique aqui para ler a entrevista na íntegra.

0 visualização

© 2019 Desenvolvido por Leopoldo C. Baratto, coordenador do Projeto "PlantaCiência".